Loading...

terça-feira, 10 de janeiro de 2012

A sociedade tecida pela comunicação


As Tic (técnicas da informação e da comunicação) já não são novas. A microinformática, a telefonia móvel, a internet, os sites na web e os conteúdos a eles associados estão agora presentes em todos os campos sociais e em todas as atividades, com desigualdades no acesso e na utilização que estão longe de se apagar. Seu desenvolvimento parece atender a um crescimento tecnológico irresistível.

As coisas, porém, não são tão simples; às determinações técnicas se acrescentam diversos processos sociais que contribuem ao seu enraizamento na sociedade; sete desses processos estão no coração desta obra.

As Tic - enquanto inovações sociotécnicas - resultam, desta maneira de dependências e determinações cruzadas entre a ordem da técnica e do social. Assim, o autor marca distâncias com certas abordagens que, centradas na formação dos usos sociais e focalizadas quase que exclusivamente nas relações ( fascínio, apropriação, identificação, rejeição etc.) dos usuários-consumidores com as ferramentas, chegam a negligenciar movimentos essenciais na difusão das Tic.

Ele opta por uma abordagem decididamente comunicacional, evidenciando as mutações e as mudanças operantes em nossas ações comunicacionais cotidianas.

Nenhum comentário: