Loading...

terça-feira, 11 de outubro de 2011

35º Encontro de CEBs reuniu 250 participantes - Novo Hamburgo

cebs3 Com base no tema “Justiça e profecia a serviço da vida”, o 35º Encontro das Comunidades Eclesiais de Base (CEBs) da Diocese de Novo Hamburgo contou com a participação de 250 pessoas durante o final de semana, no Colégio Gustavo Schreiber, em São Leopoldo. Missa de Bênção e Envio presidida pelo bispo Dom Zeno Hastenteufel, às 15h de domingo, marcou o encerramento do evento, cujo foco foi analisar e debater as questões sobre a inquietude que tomou conta de homens e mulheres ao longo da história, e à luz das Sagradas Escrituras, analisar a dimensão da “justiça e profecia a serviço da vida”. O padre Orestes João Stragliotto foi homenageado na celebração de abertura devido à sua forma profética de trabalho pastoral da região.
Os dois dias de formação enfocaram o ver, iluminar e agir a partir do lema “CEBs, romeiras do Reino no campo e na cidade”. O pároco da Igreja Matriz Conceição, padre Flávio Corrêa de Lima, e o coordenador diocesano das Cebs, padre Ramiro Mincato, foram os responsáveis pela palavra de acolhida e apresentação das delegações.
A memória da caminhada das comunidades eclesiais de base na diocese iluminado pelo tema do encontro abriu os trabalhos no sábado, 8, com a conferência de Milton Viário. O assessor lembrou o papel de padre Orestes (fundador das Cebs) na luta dos metalúrgicos e também fez referência a Dom Aloísio Sinésio Bohn – bispo da diocese no período 1980 a 1986 – pela contribuição de liberdade e melhoria de vida do povo. A história recuperada na parte da manhã mostrou como as CEBs tiveram um papel decisivo na conquista das liberdades no Brasil. “A missão na caminhada é de emancipação e de projeção do sujeito em vivência na comunidade”, frisou Viário. Comentou que a década de 70 foi a época de maior fertilidade da construção das comunidades eclesiais de base.
O painel “Justiça e profecia na Bíblia, justiça e profecia a serviço da vida” foi o ponto de partida para o teólogo e filósofo Ermínio Zortea, do Centro de Estudos Bíblicos (Cebi) de São Leopoldo enfocar a questão na tarde do dia 8. Ao abordar as vocações profética, sacerdotal e régia o biblista salientou que três pontos fundamentais devem nortear a missão: anúncio, denúncia e testemunho. “A profecia não se preocupa apenas com as situações religiosas, mas com todas as dimensões da vida, seja na economia, seja na política e seja no trabalho. Ela está inserida na evangelização”, sublinhou. “Tenho de ser cristão dentro e fora da Igreja e viver o sentido da Eucaristia nas minhas relações”, emendou Zortea.
O último dia do encontro teve início, às 8h, com celebração focada no tema e lema da Campanha da Fraternidade (CF): Fraternidade e a Vida no Planeta – A natureza geme em dores de parto. A palestrante Loiva de Oliveira, da Cáritas regional da Conferência Nacional dos Bispos do Brasul (CNBB) Sul 3 resgatou o Ver e Julgar para apresentar as novas Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil (2011-2015), direcionando um olhar para “Igreja, comunidade de comunidades” - uma das cinco urgências apresentadas no documento. Também problematizou o papel das CEBs à luz das urgências.
De acordo com a conferencista, as diretrizes apresentam como núcleo central o tema da missão, com uma teologia que vê a Igreja como “comunidade de comunidades”, que atua de modo racional e planejado, com compromisso com a unidade. Destaca que a centralidade do documento é a centralidade da vida cristã: centralidade de Jesus Cristo, a Palavra de Deus, nesta mudança de época, retomada da cultura do planejamento e conversão pastoral.cebs17
Após sua exposição ainda na manhã de domingo (9), grupos levantaram propostas para o agir em âmbito de paróquia, área e diocese em sintonia com o tema central. Em plenário, traçaram o caminho para 2012, indicando dois fortes compromissos: formação e organização. Em relação ao primeiro, sugeriram encontros paroquiais, busca dos jovens, cursos e círculos bíblicos. Quanto ao segundo item, apontaram renovação da equipe de coordenação diocesana, ativação das coordenações de área, organização dos endereços e contatos com os que participam dos encontros.
Foi definido que o 36º Encontro de Cebs será realizado nos dias 1º e 2 de setembro, na Paróquia Sagrada Família, de Três Coroas.

Nenhum comentário: