Loading...

quarta-feira, 4 de maio de 2011

Carta de agradecimentos das CEBs à presidência da CNBB







Crato, 28 de abril de 2011.




Reverendíssimos Senhores


Dom Geraldo Lyrio Rocha,

Arcebispo de Mariana

Presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil



Dom Luiz Soares Vieira

Arcebispo de Manaus

Vice-Presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil



Reverendíssimo Senhor Dom Dimas Lara Barbosa

Bispo Auxiliar do Rio de Janeiro

Secretário Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil




Nós, membros do Secretariado do 13º Intereclesial, da Ampliada Nacional e assessores e assessoras das Comunidades Eclesiais de Base, representando os 17 regionais da CNBB, queremos manifestar nosso agradecimento à presidência da CNBB, ao término deste quadriênio (2007-2011), reconhecendo os muitos serviços prestados à caminhada da Igreja no Brasil.

Destacamos, entre outros, alguns eventos e iniciativas desta presidência, que diretamente contribuíram para o fortalecimento da caminhada de nossas comunidades, possibilitando-nos reafirmar com coragem que as CEBs continuam demonstrando “seu compromisso evangelizador e missionário entre os mais simples e afastados, e são expressão visível da opção preferencial pelos pobres. São fontes e sementes de variados serviços e ministérios a favor da vida na sociedade e na Igreja” (DA 179):


a) A presença paternal de Dom Geraldo Lyrio Rocha e de Dom Luiz Soares Viera, por ocasião do 12º Intereclesial, ocorrido em Porto Velho, em 2009, trouxe-nos um novo alento para a continuidade da caminhada das CEBs em todo o Brasil, bem como o seu fortalecimento em todo continente latino-americano e caribenho;

b) A escolha das CEBs como tema prioritário na 48ª Assembléia Geral da CNBB, cujo desdobramento foi a aprovação do documento azul “Mensagem ao Povo de Deus sobre as Comunidades Eclesiais de Base” (doc. 92);

c) O trabalho desenvolvido pelo Setor CEBs da Comissão Episcopal Pastoral para o Laicato, junto à sede da CNBB em Brasília. Para nós o setor é uma referência importante para a articulação das CEBs no Brasil, bem como junto às demais Comissões Episcopais e outros organismos de comunhão na Igreja, pois proporcionou um trabalho conjunto, de comunhão e participação, com nossos pastores e reforçando nossa convicção de que podemos “avançar nossas redes para águas mais profundas” (Lc 5,4).

Deste modo, queremos nos colocar em comunhão com toda a Igreja, durante as celebrações dos 50 anos do Concílio Vaticano II, quando realizaremos o 13º Intereclesial, em 2014, na diocese de Crato (CE) para que, junto com nossos bispos, possamos reafirmar o compromisso libertador de Jesus Cristo inspirado no Concílio; no acompanhamento das novas Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil; e no grande mutirão de formação de novos(as) assessores(as) e animadores(as) de CEBs.

Animados(as) pelo Cristo Ressuscitado e pelo Espírito que nos fortalece, mais uma vez agradecemos aos senhores bispos da Presidência da CNBB, e toda a sua equipe de assessores(as), por todo o trabalho desenvolvido junto às Comunidades Eclesiais de Base do Brasil para que possamos dar continuidade “as experiências das primeiras comunidades cristãs” (DA 178), e dar respostas ao apelo da Mãe natureza e seus filhos e filhas que “gemem em dores de parto” (Rm 8, 22).


Saudações Fraternas,


Membros do Secretariado para o 13º Intereclesial,

Ampliada Nacional de CEBs,

Assessores e Assessores das Comunidades Eclesiais de Base do Brasil.

Nenhum comentário: