Loading...

quinta-feira, 28 de abril de 2011

Guatemala inaugura as Jornadas Teológicas em preparação ao Congresso Continental de Teologia

De 26 a 29 de abril, na Guatemala, será realizada a primeira de quatro Jornadas Teológicas, que têm como objetivo preparar e mobilizar teólogos da América Latina e Caribe para o Congresso Continental de Teologia (CCT), em outubro de 2012. O CCT tem como principal finalidade pensar sobre os desafios e tarefas futuras da teologia da libertação na América Latina.

*

Além da Guatemala, as Jornadas Teológicas acontecerão na Cidade do México, para os mexicanos e os hispanos dos Estados Unidos; em Bogotá, para os países andinos e em Santiago do Chile, para o Cone Sul e o Brasil. A proposta é que as Jornadas se realizem dentro dos mesmos objetivos e metodologia do Congresso Continental e se constituam num momento privilegiado de preparação.

Nesse sentido, o primeiro dia de Jornada (26), será marcado por homenagens ao Monsenhor Juan Gerardi, sacerdote de trajetória de luta junto às comunidades excluídas da Guatemala, em especial os indígenas. Monsenhor Gerardi foi cruelmente assassinado em 1998, dias depois de apresentar o relatório "Guatemala: nunca mais", que expunha o trabalho feito por meio do Projeto "Recuperação da Memória Histórica". Neste dia, os participantes assistirão a um filme que retrata a história do sacerdote, bem como visitarão a cripta do Monsenhor.

No segundo dia (27), a proposta será perceber a realidade na América Central e Caribe, o que será feito por meio de testemunhos de desastres naturais e sociais na região. Serão compartilhadas as experiências de uma pessoa indígena, da Guatemala; um migrante, de Honduras; uma pessoa que tenham vivenciado o terremoto, no Haiti; e uma mulher da República Dominicana para falar sobre as questões de gênero na região. Haverá, ainda, apresentação de análises da realidade sócio-política da América Central, do Caribe e da realidade sócio-religiosa e eclesial nessas regiões. À tarde, os participantes se distribuirão em oficinas para discutir os temas já apresentados.

O dia 28 de abril terá como tema central as teologias do Vaticano II e da Libertação. Na ocasião, irão participar das Jornadas representantes de experiências de fé, como espiritualidade afro-americana (Honduras); das Comunidades Eclesiais de Base (CEBs), do Brasil; espiritualidade maia e grupos de leitura bíblica popular, do Caribe. O impacto do Concílio Vaticano II e da Teologia da Libertação na América Central e Caribe será tema de palestra. Ao final do dia, os participantes estarão em atividade no centro da Cidade em comemoração ao aniversário de martírio de Monsenhor Gerardi.

O último dia de Jornada na Guatemala propõe uma reflexão sobre como regressar à realidade da América Central e Caribe e atual sobre ela, "transformando-a a partir de uma nova inspiração teológica", descreve o documento da organização.


Camila Maciel


Fonte Adital

Nenhum comentário: