Loading...

sábado, 1 de janeiro de 2011

Que país é esse? Por ora o da esperança...

Sujeira pra todo lado
Ninguém respeita a constituição
Mas todos acreditam no futuro da nação
Que país é esse?
Que país é esse?
Que país é esse?
No Amazonas, no Araguaia iá, iá,
Na Baixada Fluminense
Mato Grosso, nas Gerais e no
Nordeste tudo em paz
Na morte eu descanso, mas o
Sangue anda solto
Manchando os papéis, documentos fiéis
Ao descanso do patrão
Que país é esse?
Que país é esse?
Que país é esse?
Que país é esse?
Terceiro mundo, se for
Piada no exterior
Mas o Brasil vai ficar rico
Vamos faturar um milhão
Quando vendermos todas as almas
Dos nossos índios num leilão
Que país é esse?
Que país é esse?
Que país é esse?

Legião Urbana - Composição: Renato Russo

***

Por ora ousamos dizer, que é o país da esperança!

Com grande esperança, colocamos o destino de nossa Nação pela primeira vez, nas mãos de uma mulher! Mulher, mãe , avó, filha, idealista, lutadora!

Não podemos nos esquecer que tudo não é resolvido pela presidenta, temos lá os parlamentares e como são muitos, necessário é estarmos atentos aos atos e legislação destes!

Lembremo-nos do que aprontaram os parlamentares do mandato anterior, no último dia de votação efetiva na Câmara: o plenário aprovou o projeto de aumento de 61,83% nos salários dos próprios parlamentares, de 133,96% no valor do vencimento do presidente da República e de 148,63% no salário do vice-presidente e dos ministros de Estado. E isto ainda poderá provocar um efeito cascata nas Assembleias Legislativas dos Estados e nas Câmaras Municipais. Os deputados estaduais poderão aprovar uma lei para receber até 75% do valor pago aos deputados federais e os vereadores poderão fixar os seus de 20% a 75% do valor dos deputados estaduais, dependendo do número de habitantes do município.

Nós da base, precisamos aprender o que cabe ao munícipio, ao estado e a Nação; o que é de cada esfera, para sabermos nos defender e buscarmos nossos direitos!

Por exemplo, haja vista o que aprontaram no estado de São Paulo, o governador e certos parlamentares, com o SUS! Se o SUS do estado de São Paulo já estava deficitário, ainda mais deficitário ficara se não houver ação popular e para isto é necessário já acionar os parlamentares que elegemos, pois 55 deputados contra 18, em 21/12/2010, às 23h30, em São Paulo, aprovaram projeto que descrimina os pobres! Um ataque à Constituição Paulista e à Constituição Brasileira que garantem a total gratuidade ao atendimento no Sistema Único de Saúde, uma inconstitucionalidade! A articulação da base aliada do governo estadual, principalmente os deputados do PSDB e do DEM, se uniram “contra o SUS e contra o povo, aprovando um modelo que privilegia as pessoas que têm dinheiro. Ou seja, o governo estadual fez aprovar uma lei que torna a Saúde artigo que se pode comprar no mercado”.

Este é apenas um lembrete, para nos instruirmos e sabermos de onde realmente vem os golpes que machucam e sangram os pobres, que são a maioria na Nação!

A juventude esta esperançosa, muito esperançosa, esperam que a presidenta faça história, que o Brasil seja uma potência e que não haja tanta desigualdade.


M. Matsutacke

Nenhum comentário: