Loading...

segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Museu da Memória e dos Direitos Humanos no Chile comemora um ano

O Museu da Memória e dos Direitos Humanos do Chile comemora no dia 11 de janeiro um ano de fundação e convida para a cerimônia que celebrará o primeiro aniversário institucional.

Convite para o aniversário de fundação

O Museu

O Museo de la Memoria y los Derechos Humanos foi inaugurado em janeiro de 2010 pela ex-presidente Michelle Bachelet. Nos seus espaços se conhecem as violações aos direitos humanos ocorridas no Chile, entre os anos de 1973 e 1990, enquanto vigorou a ditadura militar.
Com sua criação se busca que a comunidade conheça o que ocorreu, reivindique a dignidade das vítimas, contribua para a construção de uma sociedade sustentada nos valores da tolerância, solidariedade e respeito à diversidade, e que impulsione iniciativas educacionais que convidem ao conhecimento e à reflexão.
Através de objetos, documentos e arquivos em diferentes suportes e formatos, e uma interessante proposta visual e sonora, é possível conhecer parte desta história: o golpe de Estado, a repressão dos anos posteriores, a resistência, o exílio, a solidariedade internacional e as políticas de reparação.
O patrimônio de seus arquivos contempla testemunhos orais e escritos, documentos jurídicos, cartas, relatos, produção literária, material da imprensa escrita, audiovisual e radiofônico, longas metragens, material histórico e fotografias documentais.
O Museu da Memória e dos Direitos Humanos é um espaço dinâmico e interativo que resgata a história recente do Chile e se reencontra com a verdade, que cresce e se projeta na promoção de uma cultura de respeito da dignidade das pessoas.

Confira em www.museodelamemoria.cl

Nenhum comentário: