Loading...

sábado, 16 de junho de 2012

10º Encontro Diocesano da CEBs acontece em Porteirinha

O que a fé tem haver com luta pela distribuição de renda, proteção ao meio ambiente e melhoria de qualidade de vida para todos? Tudo, é o que afirma os participantes das CEBs (Comunidades Eclesiais de Base), um movimento da Igreja Católica que acredita que fé e vida devem andar juntos. Nos dias 02 e 03 de maio, eles se reuniram no município de Porteirinha para o 10º Encontro da CEBs da diocese de Janaúba, que teve como tema “No seio da CEBs cuidando da Juventude”. 
Amintas Luiz, diretor do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Riacho dos Machados e um dos organizadores da CEBs na diocese, acredita que é importante celebrar a fé e a vida. Para ele é fundamental que o Deus vivo continue sempre mobilizando as pessoas para a construção de um mundo melhor. O agricultor experimentador e guardião da biodiversidade, Geraldo Gomes, também afirmou isso. Segundo ele, a exemplo de Jesus, não basta só rezar, é preciso entender, junto com os irmãos, sobre os males que afeta a realidade e a vida das pessoas. Muitas vezes as pessoas preocupam com outras coisas terrenas e acabam destruindo os recursos da vida, como é o caso dos grandes empreendimentos do capital. 
Nesta perpectiva, diversos assuntos foram debatidos, sendo um dos pontos altos do encontro, a preocupação com os impactos causados pela mineração. Atualmente, a região da Serra Geral, onde está localizada a diocese de Janaúba, é alvo de estudos e investimentos minerários, o que tem causado muita preocupação e insegurança à população. 
Durante a programação do encontro, além de exposição de temas, debates, trabalhos em grupo e muita animação, os participantes puderam prestigiar diversas apresentações artisticas, como teatro, músicas, danças, entre outros, que trouxeram manifestações culturais, mensagens de conscientização e partilha de experiências. Uma das apresentações bastante aplaudidas foi do grupo teatral Próximo do Real, que encenou o teatro “O candidato e o caipira”, inspirado no poema de Zé Fortuno sobre as grandes promessas dos candidatos, o descaso com o povo do campo por parte das autoridades e o cuidado que o eleitor deve ter. 
Zezinho, morador de Vereda Funda, comunidade rural de Rio Pardo de Minas, também recitou um poema que conta a história de como seu povo e sua comunidade tradicional foram impactados pela monocultura de eucalipto e como eles, por meio da fé, união, luta e ação, conseguiram reaver o território. Para os organizadores do encontro é fundamental que a diocese de Janaúba valorize esse movimento e continue acolhendo a CEBs.

Nenhum comentário: